O que é Open Finance e quais os benefícios para sua empresa?

Share:

O Open Finance é a evolução do Open Banking. Conheça o que muda!


O Open Finance foi anunciado pelo Banco Central no dia 24 de maio de 2021 e começa a funcionar no dia 15 de dezembro deste ano. O objetivo do projeto é oferecer um sistema financeiro aberto, ou seja, o cliente pode compartilhar suas informações com todas as instituições financeiras que ele desejar, de forma centralizada.

Simplificando: o consumidor vai poder levar seus dados cadastrais e histórico de transações bancárias, para empresas financeiras como:

Bancos privados e públicos
Seguradoras
Fundos de pensão
Fundos previdenciários
Plataformas de investimentos

Essa ação oferece ao consumidor diversos benefícios, como o acesso a produtos e serviços mais vantajosos e preços mais acessíveis, sem que o cliente tenha que iniciar do zero. Mas e para empresas? Por quais motivos as organizações devem estar atentas a essa grande mudança no mercado?

Confira os benefícios do Open Finance para o seu negócio 

Com o Open Finance, sua empresa encontra soluções financeiras variadas e personalizadas. Por exemplo: na hora de abrir uma conta PJ, será possível tornar o processo mais simples, já que seus dados podem ser compartilhados entre as instituições financeiras.

O Open Finance também vai ajudar seu negócio a receber as melhores ofertas de crédito, com taxas otimizadas de acordo com as necessidades da empresa. 

Com o compartilhamento de informações entre instituições, fica mais fácil de sua empresa ter uma proposta personalizada com base nos seus dados.

Com o Open Finance, você poderá investir em produtos de diferentes organizações e ter acesso a todos os serviços financeiros e contas bancárias da empresa de forma centralizada, em um único aplicativo.

Resultado da mudança para empresas: a organização consegue contratar serviços de instituições diferentes, que ofereçam um melhor custo-benefício e, assim, conquistar um impacto mais positivo internamente, como reduzir custos, otimizar operações e facilitar a gestão tributária. Além disso, a empresa decide para qual organização ela vai disponibilizar seus dados.

Leia mais: