Três melhores áreas para empreender ainda em 2021

Share:

Confira os melhores segmentos para investir ainda neste ano e aumente suas chances de fazer sucesso como empreendedor.


Em cenários desafiadores é essencial encontrar novas oportunidades de negócio e formas criativas de empreender. Apesar da necessidade de mudanças e da exigência do mercado em soluções inovadoras, há diversas oportunidades de fazer sucesso ainda em 2021.

De acordo com dados do Governo Federal fornecidos pelo Sebrae, surgem cerca de 600 mil novos empreendedores por ano, o que mostra que boa parte da população busca ser dona do seu próprio negócio, melhorar economicamente, realizar sonhos e mudar a realidade do seu espaço, gerando novos empregos e investimentos.

E pensando em você, que ainda quer empreender neste ano, nós do BTG+ business separamos três melhores áreas para 2021.

Empreendedorismo digital

De acordo com a consultoria Ebit|Nielsen, o empreendedorismo digital deve crescer até 26% no Brasil em 2021. Isso quer dizer que a área de e-commerces, aplicativos de vendas e mesmo as vendas informais realizadas nas redes sociais podem ser uma excelente oportunidade para empreender ainda neste ano. 

Caso você trabalhe com a venda de serviços, saiba que cursos online, infoprodutos ou e-books também são uma tendência para o futuro. 

O interessante do empreendedorismo digital é que ele alcança a maioria dos segmentos e, por isso, as empresas podem fazer esse investimento.

Franquias

Apesar desse tipo de investimento exigir que o empreendedor siga padrões definidos pelo franqueador, a aposta oferece mais segurança para aqueles que não querem arriscar tanto.

Os melhores segmentos para investir ainda em 2021, de acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), são: saúde, beleza, alimentos e tecnologia.

Produtos artesanais

Muitas pessoas estão em busca de presentes inovadores e personalizados, com o objetivo de demonstrar seu afeto mesmo estando distantes. A busca por produtos especiais e diferenciados fez com que segmentos que trabalham na linha artesanal, como cerveja e café, por exemplo, tivessem um excelente crescimento. Só o segmento de café cresceu cerca de 15% no ano de 2020, de acordo com dados fornecidos pela Associação Brasileira da Indústria de Café.

Um movimento que também ganhou força foi o do empreendedor menor e local, com o consumo da população por pequenos e médios estabelecimentos da região. A tendência é que esse hábito se torne ainda mais forte nos próximos anos.

E caso você queira conhecer as formas de crédito e financiamento para abrir seu novo negócio, confira as vantagens e opções do BTG+ business.

Leia mais: